01/12/2017

Mova-se em mais uma luta em defesa do ISSEC

A mobilização realizada no Palácio da Abolição também pontuou os principais problemas enfrentados pelos trabalhadores.
Fotos: (Assessoria de Imprensa - Mova-se)

30 de novembro foi dia de luta para o Sindicato Mova-se e demais entidades sindicais pela revitalização do Instituto de Saúde dos Servidores (ISSEC) e pelo reajuste salarial linear de 20,22% para os servidores públicos estaduais. A mobilização realizada no Palácio da Abolição também pontuou os principais problemas enfrentados pelos trabalhadores ao longo dos últimos anos.

O descaso com o ISSEC tem sido uma batalha enfrentada diariamente pelos servidores ativos, aposentados e pensionistas que precisam dos serviços de saúde no estado. O congelamento dos financiamentos na área da saúde do servidor ameaça, inclusive, o fechamento do Instituto. Segundo o diretor do Mova-se Ulisses Moreira, há anos o sindicato luta pelo atendimento amplo e de qualidade do ISSEC, mas agora existe a chance de um acordo capaz de garantir a reestruturação do Instituto com o apoio do Governo e a contribuição do servidor.

Para a diretora do Mova-se e coordenadora do Fuaspec Rita de Cássia Bacana as entidades querem evitar o sucateamento e o fechamento do ISSEC, além de garantir o reajuste salarial de 20,22% (perdas acumuladas nos últimos três anos), concurso público e a reestruturação das tabelas salariais das categorias estaduais.

Proposta


O Movimento em Defesa do ISSEC, formado por entidades representativas de classe de servidores estaduais, propõe que o orçamento de 2018 seja de, pelo menos, R$160 milhões, o dobro do orçamento deste ano. A proposta estabelece que o governo colabore com R$147 milhões para a revitalização dos serviços, assim como assegure uma fonte de receita exclusiva de financiamento para o Instituto. “Esse aporte solicitado ao governo de R$147 milhões equivale ao orçamento do ISSEC gasto em 2014 corrigido pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPCA). O restante do valor, entre R$20 e 40 milhões, seria rateado entre os servidores, de acordo com a remuneração e idade de cada um. Vamos partir do princípio constitucional de quem tem mais, doa mais”, explicou Dimas Oliveira representante do Sindagri.

No dia 24 de novembro, os integrantes do Movimento em Defesa do ISSEC, apresentaram ao superintendente do Instituto Francisco José Carvalho os princípios para a revitalização. São eles: 

1. Fortalecimento do ISSEC público com atendimento amplo e de qualidade;

2. Gestão tripartite (ISSEC, Governo e Servidores) com transparência;

3. Triplicar os recursos destinados aos atendimentos em saúde;

4. Atender no interior do estado e na capital;

5. Sem limites de consultas e exames;

6. Governo aplicar no mínimo 0,68% da receita corrente líquida ou no mínimo 120 milhões com um índice de revisão anual;

7. Participação dos servidores definida pelos servidores considerando a renda e idade.

Encaminhamentos


Após horas de mobilização, uma comissão composta por cinco diretores sindicais, incluindo o representante do Mova-se Sabino Bizarria, foi recebida pelo secretário da Casa Civil Nelson Martins, este se comprometeu de marcar audiência com o governador Camilo Santana para tratar da reestruturação do ISSEC e demais assuntos da categoria. 

 
 

Serviço:
Assessoria de Imprensa
Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Estadual do Ceará – Mova-se
Contato: (85) 3226.0665/99902.0458
Facebook: facebook.com/SindicatoMovaSe

 

RÁDIO WEB

31/10/2017

Lançamento da campanha salarial 2018

25/04/2017

Diga não à Reforma Trabalhista

©2003 - 2017. MOVA-SE-Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Estadual do Ceará
Rua Princesa Isabel, 502 Centro | Fortaleza - Ceará | CEP: 60015-060
Fone/Fax: (85) 3226.0665 | (85) 3226.0642
Site: www.mova-se.com.br | E-mail: falecom@mova-se.com.br

Produzido e atualizado pela Assessoria de Comunicação do MOVA-SE e TEIA DIGITAL